terça-feira, 23 de abril de 2024
Publicado em 02/04/2024 às 14:11

Grêmio aluga cilindro de oxigênio e adota "pacote de medidas antialtitude" em La Paz

Grêmio aluga cilindro de oxigênio e adota
Foto: Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação

A direção e a comissão técnica do Grêmio adotaram uma série de medidas para atenuar ao máximo os efeitos da altitude de La Paz, antes da estreia na Libertadores, contra o The Strongest, nesta terça-feira (2). Uma das principais foi o aluguel de um cilindro de oxigênio, que estará à disposição no vestiário para o caso de algum jogador sentir de forma mais grave os efeitos do ar rarefeito no Estádio Hernando Siles, situado 3,6 mil metros acima do nível do mar.

Seguindo orientação dos fisiologistas do clube, o Grêmio optou por ficar o menor tempo possível na altitude elevada. A delegação gremista, concentrada em Santa Cruz de la Sierra, pousará em La Paz, em voo fretado, apenas às 17h35min (horário de Brasília), menos de 3h30min antes do início do jogo, marcado para às 21h.

O Tricolor sequer irá se hospedar em um hotel na capital boliviana. Os jogadores irão do Aeroporto Internacional El Alto, na região metropolitana de La Paz, com escolta policial, diretamente para o Estádio Hernando Siles. Para evitar atrasos, a direção optou por contratar uma companhia aérea boliviana, a BOA, a principal do país, já acostumada a operações nos terminais que serão utilizados pelo Tricolor.

Uma curiosidade é que o último lanche dos atletas gremistas antes da partida será realizado no interior do ônibus, já no trajeto rumo ao Estádio Hernando Siles. No desembarque, no vestiário visitante, uma equipe de apoio aguardará a delegação. 

Aliás, roupeiros, massagistas e profissionais de apoio e de segurança do clube já terão se deslocado horas antes para dar todo suporte e, principalmente, levar com antecedência todos os fardamentos e materiais esportivos. A ideia com tudo isso é evitar qualquer tipo de imprevisto, seja físico, seja logístico.

Porém, o Grêmio sabe que, apesar de todas as medidas, o desgaste será inevitável. Por isso, a opção da comissão técnica foi por levar à Bolívia um grupo composto por reservas e por diversos garotos. Os titulares permaneceram em Porto Alegre em preparação para a final do Gauchão, contra o Juventude, no sábado (6), na Arena.

Dos atletas que viajaram, o mais experiente em situações semelhantes é o volante Du Queiroz, que, na Libertadores 2022, atuando pelo Corinthians, perdeu por 2 a 0 para o Always Ready em El Alto, em uma altitude de mais de 4 mil metros, ainda superior a de La Paz.

Pela pouca experiência do grupo nestas condições, o técnico Renato Portaluppi deve adotar uma estratégia defensiva. A tendência é de o garoto Ronald componha um trio de volantes com Dodi e Du Queiroz. 

Entre as atrações na equipe, destaque para o retorno de Marchesín ao gol, para a volta de Fábio à lateral direita e pela nova chance que Galdino e João Pedro Galvão devem ter no ataque.

Com base na lista de relacionados, a provável escalação tricolor tem: Marchesín; Fabio, Natã, Gustavo Martins e Wesley Costa; Ronald, Dodi e Du Queiroz; Galdino, João Pedro Galvão e Nathan Fernandes.

Grêmio e The Strongest enfrentam-se no Estádio Hernando Siles nesta terça-feira (2), às 21h (horário de Brasília), pela primeira rodada da fase de grupos da Libertadores.


Fonte: GZH

Compartilhe essa notícia: